Saias: midi, lápis, evasê, etc…o que são e como usar?

Existe muita gente confundindo os modelos de saias com comprimentos por isso decidi escrever este post para ajudar a identificar os modelos disponíveis entre tantos! Espero que ajude!!!

Saia Midi

Essa é a que causa mais confusão. A Saia Midi vem do inglês Midskirt, que significa Saia Média ou Midi pode ser Meio também. A Saia Midi é qualquer saia que o comprimento termina logo abaixo do joelho, cobrindo-o, ou que termina no meio da panturrilha (popular batata da perna), menos ou mais que isso não é Saia Midi. A Saia Midi pode ser justa, rodada, plissada, de babados, podendo ser lápis, envelope, cós-alto, etc. Midi se refere ao tamanho e nao ao modelo, portando uma Saia Midi nunca será acima do joelho ou logo abaixo dele e nem será longa, será sempre no meio da panturrilha. A Saia Midi é o tamanho preferido de grandes grifes como Dior.

 

Como usar?

No verão, prefira tecidos leves como seda, malha, tule e renda. Combine com sandálias de salto, sapatos fechados ou com o bico aberto e scarpin. Par um passeio, happy-hour, ou um encontro menos formal pode-se usar sapatilhas, brogues, loafers e até mesmo tênis. As saias midi são muito práticas e podem ser usadas com blusas de babados, regatas de malha, camisetas e até top comprido que mostre apenas a linha logo acima da cintura, vai depender da ocasião e do look desejado.

No outono e inverno, prefira saias midi de tecidos pesados como veludo e lãzinha ou tecidos de algodão com poliester também são bem quentes. Combine com sapatos fechados, brogues, loafers, tênis e botas de cano alto, SEMPRE! A bota tem que ser coberta pela saia, é a maneira mais correta e mais elegante de se usar saia midi com botas. Ou então tem a opção da Ankle Boots que muitos também confundem com bota de cano curto mas que na verdade não é.  A ankle boots é na verdade um sapato mas em vez de ser aberto no peito do pé, ele é todo fechado e não tem cano. Para não confundir, uma dica simples: a ankle boots deixa o tornozelo a mostra, a bota de cano curto não.  A bota de cano curto é uma boa opção para mulheres altas.

Para as baixinhas o sapato ideal é o Ankle Boots e também sapatos e sandálias sem correia no tornozelo pois alonga a silhueta.

 

ankle-boot-saia-midi1-tile

 

 

Saia Lápis

Quando se diz Saia Lápis, referimos ao modelo e não ao tamanho. A saia lápis é uma saia ajustada, afunilada a partir dos quadris. Uma saia lápis  pode ser midi, pode ser longa mas ela nunca será mini, no máximo logo acima dos joelhos pois a característica que distingue a saia lápis é justamente o afunilamento na altura das coxas até a barra. Ela é muito elegante e é a preferida para compor um look sofisticado. Podendo ter o comprimento logo acima do joelho, ou ser midi, longuete e longa.

Como usar?

As saias lápis podem ser de modelos mais formais aos mais descontraídos, indo da renda ao jeans, por isso, de acordo com o tipo de saia que usara pode-se combina-la com sandálias ou sapatos de salto, brogue, loafer, sandálias de plataforma, tênis e até botas mas o mais elegante é com salto.

Alguns exemplos de Saia Lápis:

 

Saia Reta

Esse tipo de modelo é a mais usada por ser confortável e ótima para disfarçar culotes e minimizar a aparência dos quadris largos. Como o próprio nome diz, ela tem um corte reto, sem afunilar, sem pregas. Ela é justa até os quadris e depois tem um caimento reto e é o modelo mais usado como Saia Secretária que tem um comprimento logo abaixo dos joelhos. A saia Reta pode ser curta, midi, longuete e longa.

Como usar:

Pode ser usada com malha, camisetas, camisas sociais, sapatos abertos e fechados, de salto, plataforma, sapatilhas e até tênis, depende do look desejado.

Alguns exemplos de Saia Reta:

 

 Saia Evasê e Saia Godê

Existe muita confusão entre essas duas também porque o modelo é pouca coisa diferente uma da outra.

A Saia Evasê é mais ajustada na parte superior e começa a abrir na altura dos quadris deixando-a levemente rodada.

A Saia Godê é a famosa saia rodada, ela pode ser levemente rodada ou  ter bastante volume.

Normalmente, tanto a Evasê quanto a Godê são muito usadas no verão com tecidos leves e floridos  e o tamanho queridinho da vez é o midi pois lembra os anos 50 e é muito feminino e romântico. A saia Godê e Evasê pode ser usada desde Mini até longa. A sai godê ou evasê pode ser usada também no inverno com tecidos mais pesados e no comprimento mais longo, além de ficar lindo, esquenta muito bem.

Como usar?

Elas podem ser usadas com todos os tipos de sapatos e até tênis mas o mais usado é com sapatos de salto e também tênis para um look mais descontraído. No frio a saia deve ser de longuete a longa usada com botas, que fica um charme.

Alguns exemplos de Saia Godê:

 

Alguns exemplos de Saia Evasê:

 

Saia Enviesada e Saia Trompete e rabo de Sereia

O modelo de saia enviesada muitas vezes é confundida com a Rabo de Sereia que tem o modelo igual mas o que distingue o modelo Rabo de Sereia é o cumprimento e o afunilamento na altura dos joelhos dando volume na parte de baixo! O rabo de Sereia será sempre Maxi, cobrindo os pés e pode ser cortada em enviés ou ter o babado aplicado separadamente!

Já o modelo de saia enviesada, como o próprio nome diz, é cortado em enviés no próprio tecido formando um leve gode na parte de baixo da saia e pode ser de curta à longa e a parte de baixo não é volumosa! No modelo de saia trompete  a parte de cima é feito justa e depois é aplicado um gode ou babado separado, diferente da enviesada ela não é cortada inteira no enviés! Ela pode ser também de curta à longa!

Como usar:

  • Sereia: como o modelo é sempre longo, o melhor é usar com sapatos fechados e sandálias elegantes quando o modelo for com tecidos finos e para festas; quando for feita de tecidos tipo camurça ou algum  tecido pesado pode ser usado com botas e quando feito de tecidos leves mas simples tipo algodão poderá ser usado com sandálias baixas e sapatilhas mas nunca com tênis, sapatênis, etc.
  • Trompete: nos comprimentos de curto à maxi, dependendo do tecido e do look, se pode usar com sandálias baixas ou altas, anabelas, sapatilhas, sapatênis e até tênis menos esportivo.
  • Enviesada: assim como a trompete, o sapato dependerá do tecido e ocasião!

Obs: No modelo Sereia as blusas devem ser estilo social romântica ou não. Nos modelos trompete e enviesada poe-se combinar até mesmo com camisetas!

Alguns exemplos de saia no modelo Sereia:

 Alguns exemplos de saia no modelo Trompete:

 

Alguns exemplos de saia no modelo Enviesado:

 

 DICA: A saia reta, alguns tipo de gode e a saia trompete são ótimas para disfarçar quadril largo por isso aproveite desses modelos!

Espero que tenham gostado das dicas e que elas possam ser útil de alguma maneira! Para quem quiser sugerir algum tipo de matéria pode entrar em contato pelo email: mulherversusmoda@gmail.com ou deixar sua sugestão aqui nos comentários!

Beijos à todos e até à próxima!!!! XOXO

 

5 comentários sobre “Saias: midi, lápis, evasê, etc…o que são e como usar?

  1. Amei!! Sempre pensei que a saia midi era um modelo coladinho no corpo kkk mas não tem nada haver!! menina obrigada por nos elucidar, Camila Narracci beijão.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s